Paradoxo nacional: Enquanto o filho de um senador faz caretas, o filho de um pobre coitado acaba soterrado num lixão

Duas notícias, duas realidades completamente distintas.

Acredito piamente que toda criança tem o direito de ser feliz, espontânea, fazer o que bem entende na hora certa, ter o apoio dos pais, gozar das melhores oportunidades, etc.
Mas para que isso aconteça, precisamos ir muito mais além do que simplesmente galgarmos posições entre as maiores potências econômicas mundiais. Isso é “para inglês ver!”

Vejam só:

Enquanto o filho de 9 anos do agora Senador, Jader Barbalho, faz caretas para jornalistas…

Filho de Jader Barbalho faz caretas para jornalistas
Daniel, de 9 anos, chama a atenção durante a posse do pai, Jader Barbalho, no Senado

… Uma criança de 10 anos acaba soterrada por um monte de lixo em Campo Grande (MS).

Criança é soterrada em lixão de Campo Grande (MS)
Ao subir em uma pilha de 10 metros de lixo, o garoto Maicon, de 10 anos, acabou soterrado após deslizamento num lixão de Campo Grande (MS)

O filho do Senador tem apenas 9 anos e se chama Daniel. Já o garoto soterrado tem 10 anos e se chama Maicon.

O que eles têm em comum? O fato de serem crianças. Nada mais!

Um terá todas as oportunidades do mundo. Já o outro, por conta da possível falta de oportunidade de seus pais, teve que encarar a dura missão de ter que trabalhar, trabalhar num lixão.

Enquanto Daniel, do alto de seus 9 anos exercia o direito de ser feliz, Maicon, de tanto de se arriscar para ganhar uns trocados, acabou soterrado.

Ser a 6ª, 5ª ou 4ª potência econômica mundial, não resolve o problema do Brasil. É necessário erradicar a desigualdade neste país… Que na verdade é apenas um dos grandes problemas que enfrentamos.

7 respostas para “Paradoxo nacional: Enquanto o filho de um senador faz caretas, o filho de um pobre coitado acaba soterrado num lixão”

  1. Infelizmente não se trata apenas de uma criança se divertindo com caretas para os jornalistas, trata-se de uma criança sem limites que apesar de todas as oportunidades que a vida lhe oferece, de repente não sabera fazer uso da mesma, pois educação vem de berço e pelo visto nao o tem e seu comportamento é de alguem que nao sabera o seu limite jamais.
    Quanto a criança que foi soterrada no lixão, infelizmente muitos mais o serão, pois tanto o poder publico, quanto a sociedade em geral estao acostumados a verem tragedias e acabam se acostumando com elas.
    Quantos eleitores votam nos candidatos que lhes oferecem lucros, cargos e tantos outros beneficios e ao ganharem simplesmente os ignora e mesmo assim continuam votando mau.
    Os filhos geralmente são espelho de sua vivencia, do seu meio cultural e a cultura familiar de hoje significa ter poder, ser mais, ter mais, noa se importando de que forma o conseguirá.

  2. As desigualdades começam nos altos salários de nossos governantes é uma vergonha se comparado com o mínimo de nosso país. disse:

    As desigualdades começam nos altos salários de nossos governantes é uma vergonha se comparado com o mínimo de nosso país. Se a classe majoritária de trabalhadores tivessem salários dignos para gozar das pequenas coisas da vida como lazer e cultura neste momento,esta criança não estaria neste lugar, estaria brincando e não trabalhando.

  3. Na verdade isso tudo é muito simples, falta educação para os nossos politicos, voces podem ter certeza que o dignissimo deputado deve ter sorrido ao ver as fotos do filho na internet e que não deve estar preocupado com o pequeno soterrado, afinal de contas né? não tem nada a ver com voces
    É so o povo Brasileiro não precisa se preocupar não…

  4. para erradicar a pobreza precisamos de duas coisas distintas: investir em EDUCAÇAO e punit POLITICO LADRAO! BASTA, chega… a careta do Daniel (pobre criança) demonstra tudo o que ele deve ouvido em casa! Afinal, cachorro pequeno late, porque ouviu o grande latir! ja dizia minha avó!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *