Caso Adriano: Baleada vai virar “celebridade”

É impressionante como o jogador Adriano tem virado notícia não pelo seu futebol, e sim, pelas constantes polêmicas em que se envolve.

Essa história do tiro acidental que feriu uma mulher que o acompanhara em seu carro, junto a outras mulheres e um possível segurança, além de mal contada, vai fazer da vítima, a estudante Adriene Pinto, uma “celebridade” nacional.

A própria já disse que irá contar tudo o que aconteceu, embora já tenha adiantado que partiu do jogador do Corinthians o tiro que feriu sua mão. Tal afirmação foi feita em depoimento à policia, ainda no hospital. Antes, porém, de acordo com enfermeiros que prestaram os primeiros socorros, ela teria dito que não sabia quem havia atirado.

Já Adriano, em depoimento, afirmou que foi a própria vítima quem disparou a arma. Versão esta confirmada pelas testemunhas (3 mulheres) que estavam no carro no momento do acidente.

Testemunhas do disparo, Andreia Ximenes e Daniele Pena prestaram depoimento à polícia no Rio

Tudo indica que os próximos capítulos desta história, além de serem contados nas seções policiais dos mais diversos veículos de comunicação do país, terão também uma atenção toda especial dos programas de fofoca. São eles os responsáveis por aproveitar polêmicas como esta para esmiuçar a vida dos anônimos envolvidos.

Por isso, mesmo que de forma acidental e nada agradável, Adriane terá dias de “celebridade”. Enquanto Adriano, que está de férias, além de explicações à policial e ao Corinthians, terá também a oportunidade de refletir sobre a forma que anda conduzindo sua vida pessoal fora dos gramados.

7 comentários em “Caso Adriano: Baleada vai virar “celebridade””

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sair da versão mobile